Prefeitura reduz valor de aluguel do Teatro do Matarazzo para artístas locais

150

A Prefeitura Municipal de Presidente Prudente, por meio da Secretaria de Cultura (Secult) publicou nesta quinta-feira, 23 de março, o Decreto nº 34.084/2023 com novas regras em relação ao uso do Teatro Paulo Roberto Lisboa, contempla produtores e artistas do município, que passarão a pagar o valor inferior pela utilização do Teatro em relação ao Decreto anterior, entre outras mudanças.

O regulamento que trata sobre a redução no valor da locação do Teatro do Matarazzo para artistas e produtores locais vem com a proposta de incentivar disseminação da cultura no âmbito municipal, bem como, oferecer apoio e incentivo àqueles que estão iniciando novos projetos artísticos e pretendem apresentá-los ao público. O Teatro tem capacidade para 530 lugares.

De acordo com o Secretário de Cultura Yuri Reis “O novo decreto traz algumas mudanças importantes e necessárias. Destaco aqui a reavaliação da tarifa mínima cobrada aos produtores e artistas sediados em Presidente Prudente, que neste novo Decreto passarão a pagar o valor inferior pela utilização do Teatro em relação ao Decreto anterior”.

As mudanças estão no novo Decreto de regulamentação do Teatro Paulo Roberto Lisboa – Decreto nº 34.084/2023, publicado hoje, no Diário Oficial de Presidente Prudente.

Apoio:


Além dessa alteração que objetiva o fomento a produção cultural local, o novo decreto traz uma redação mais adequada, resultado de uma pesquisa feita pela equipe técnica da Secretaria de Cultura acerca do funcionamento dos Teatros Municipais em cidades do interior de São Paulo, com a mesma estrutura ou superior ao Teatro Paulo Roberto Lisboa.

COMENTÁRIOS