Conselho Superior do MPSP aprova moção de apoio ao promotor prudentino Lincoln Gakiya

94

No dia 28 de março, o Conselho Superior do Ministério Público de São Paulo aprovou, por unanimidade, uma moção de apoio e solidariedade ao promotor Lincoln Gakiya, que vem sofrendo ameaças de morte por parte de uma organização criminosa.

Na moção, proposta pelo conselheiro Saad Mazloum, o colegiado sustenta que “as autoridades competentes devem seguir adotando todas as medidas urgentes e necessárias para garantir a segurança” do promotor e de sua família, a fim de que o membro do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) “possa continuar a exercer suas funções com a mesma dedicação e ética que tem demonstrado”.

O Conselho repudiou qualquer ameaça, consignando que em um Estado Democrático de Direito um membro do Ministério Público que adota “ações corajosas e dedicadas” não pode ser alvo de nenhuma retaliação.

COMENTÁRIOS