Prudente termina o ano com o maior índice de emprego dos últimos 12 anos e soma 3.200 novas empresas

72

Um estudo realizado pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico de Presidente Prudente (Sedepp) mostra índices animadores relacionados à geração de emprego e renda, referentes aos últimos dez meses, de janeiro e outubro de 2021, com base nos dados oficiais do Ministério do Trabalho e Previdência Social: Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) e Fundação Seade – Painel do Emprego.

Neste período, a cidade registrou um saldo positivo de 2.869 empregos, que representa um aumento de 4,75%, melhor índice dos últimos 12 anos.

O desempenho econômico de Prudente em 2021 fica ainda mais evidente quando comparado com os anos anteriores, em que a cidade registrou perdas de postos de trabalho. No acumulado de 2014 a 2020, Presidente Prudente registrou um saldo negativo de – 3.454 postos de trabalho:

·        418 em 2014;

·        -993 em 2015;

·        -1.304 em 2016;

·        -525 em 2017;

·        -331 em 2018;

·        417 em 2019;

·        -1.136 em 2020.

Considerando a Região Administrativa de Presidente Prudente, que tem população estimada em 865.590 pessoas, a variação no saldo de empregos, entre janeiro e setembro de 2021, foi de 4,9%, à frente de importantes regiões, como RA de São José do Rio Preto, que registrou 4,2%, e a RA de Santos, com 3,4%.

Outro dado interessante diz respeito à abertura de empresas na cidade. De maio de 2020 a dezembro de 2021, foram criadas 3.210 empresas em Prudente, sendo 1.598 só nos últimos três meses, entre 15 de setembro e 20 de dezembro de 2021, conforme dados da Receita Federal do Brasil e Sebrae, números que indicam a retomada econômica em curso no município.

Conforme os dados de 20 de dezembro de 2021, Prudente possui 33.520 empresas em funcionamento, sendo que 80% delas são microempreendor individual (MEI) e microempresa (ME), com 48% no setor de serviços e 30% no comércio.

De acordo com Ana Paula Setti, titular da Sedepp, esses resultados são reflexos do empenho e apoio à economia, com ações que viabilizaram o empreendedorismo e o desenvolvimento. “A desburocratização e o apoio ao empreendedor foram fundamentais para estes resultados”, afirmou.

O prefeito, que recebeu os dados do estudo na tarde desta segunda-feira (27/12), agradeceu à equipe, e mencionou que este resultado é uma conquista de muitos, pois mostra o empenho e a vontade do trabalho por uma cidade melhor. “É o fortalecimento da economia, de oportunidades. Para 2022, vamos trabalhar ainda mais, trazer gente, mostrar o que há de melhor aqui”, concluiu.

Fonte: Secretaria de Comunicação

:::.............. COMENTÁRIOS ..............:::