GRÊMIO PRUDENTE: Time do São José promete acertar “diferenças” no jogo de volta

512
Jogo com o São José no Prudentão foi tenso para Grêmio Prudente | Foto: Murilo Aguilar

Após um jogo tumultuado com expulsão de jogadores de ambos os lados, inclusive dois gândulas prudentinos, o arbitro Thiago Luis Scarascati, fez constar na súmula do jogo entre Grêmio Prudente e São José, no Prudentão, neste sábado, 01 de abril, que a equipe do São José prometeu resolver as “diferenças” entre as equipes no jogo de volta, dia 08 de abril, em São José dos Campos.

O jogo que parecia fácil para o Grêmio Prudente, pois a equipe do São José estava sob pressão após uma derrota dentro de casa, e no final do primeiro tempo o Grêmio já vencia por 2×0, se transformou numa grande batalha.

No final da primeira etapa, aos 44 minutos o zagueiro Cesar é expulso após desferir um soco no pescoço do zagueiro do São José, Luis Dário, que desaba e precisa de atendimento médico.

No segundo tempo o time do Grêmio Prudente volta retrancado, mas não sofre pressão do São José, que tenta provocar alguns jogadores e faz uso de dividas mais duras. Aos 8 minutos após o gol de Pedro Demarchi, a equipe do São José toma conta do jogo e começa a pressionar pelo empate e as jogadas duras continuam.

Apoio:


Até que aos 39 do segundo tempo, Marlon Oliveira, empata o jogo e na comemoração o goleiro reserva do São José chega perto do alambrado do Prudentão e começa a fazer gestos provocativos e insultar a torcida prudentina, e acaba expulso pelo árbitro da partida.

Com o encerramento da partida ambas as equipes e seus dirigentes se dirigiram para os vestiários e começaram a trocar reclamações, insultos e xingamentos, entre eles de que as “diferenças” seriam resolvidas no jogo de volta, dia 08 de abril.

“Gândulas raiz”

Aos 25 minutos do primeiro tempo, quando o Grêmio vencia por 1×0, o gandula Zé Junior foi expulso pelo árbitro após se desinterder com um jogador do São José, “Vai tomar no …, a bola está ai no campo, p…”.

Já aos 27 minutos do segundo tempo o gândula Marcos Santos foi expulso, segundo o árbitro por retardar a reposição de bola e esconder a bola atrás das placas de publicidade.

COMENTÁRIOS