Casos de sucesso do Whats App: Escola Radical

315

Há quase 30 anos, o surfista Francisco Araña administra a Escola Radical, uma escola de surfe em Santos, litoral de São Paulo. Mais conhecido como Cisco, o surfista criou em 2018 um programa voltado a pessoas com mais de 50 anos, que oferece aulas especiais de surfe. Agora, as ondas do mar e o WhatsApp trazem a esses novos surfistas um senso renovado de comunidade e pertencimento.

Cisco conta que o grupo começou pequeno, com 20 pessoas, entre as quais algumas já faziam aulas regulares. Hoje em dia, são 110 alunos. Ele também diz estar animado com o projeto e com a oportunidade que essas pessoas têm de fazer algo que não fizeram quando eram mais jovens. Cisco criou o programa para maiores de 50 anos devido à alta procura. Agora ele dá aulas para alunos de até 75 anos uma vez por semana na praia da Pompeia.

Para que as aulas tivessem ainda mais impacto na vida dos alunos, Cisco os encorajou a se conhecerem melhor. Foi assim que eles começaram a usar o WhatsApp.

O professor diz que os alunos criaram o grupo no WhatsApp para compartilhar informações sobre o mar e o clima. Eles também compartilham poesias e músicas, para inspirar uns aos outros. Para Cisco, o WhatsApp ajudou a aproximar os amigos e é uma ferramenta maravilhosa para as pessoas se sentirem em família.

Francisco Verazane Aguiar e Edmea Pereira Correa começaram a surfar com Cisco há 12 anos e adoraram. Recentemente, o casal entrou no grupo para maiores de 50 anos, que tem ajudado seus integrantes a trabalhar diversas questões, desde depressão e solidão até a prática de atividades físicas.

Os próprios alunos criaram um grupo no WhatsApp para compartilhar informações sobre o mar e o clima. Eles também compartilham poesias e músicas, para inspirar uns aos outros.

Para Francisco, não se trata só de um grupo, mas sim de uma família. Ele diz que a conversa com seus novos amigos, definitivamente, melhora qualquer semana.

Edmea afirma que o surfe a ajudou muito. Durante seu tratamento contra o câncer de mama, as aulas foram excepcionais para ela.

Cisco se orgulha dos laços que seu programa de surfe está criando para dezenas de surfistas mais velhos em sua comunidade local. Ele diz que agora eles estão conectados não só pelo mar, mas também pelo WhatsApp. Assim como o surfe, o WhatsApp trouxe mais sentido e motivação às vidas dessas pessoas, através do senso de comunidade.

:::.............. COMENTÁRIOS ..............:::