Postos de saúde cadastram crianças sem comorbidades para receber vacina contra Covid

104

A Vigilância Epidemiológica Municipal de Presidente Prudente (VEM) informa que as UBSs e ESFs estão cadastrando crianças de 5 a 11 anos, sem comorbidades, para receber as sobras da vacina contra a Covid-19, ao final de cada dia.

O cadastro deve ser realizado pela família, presencialmente, na unidade mais próxima do local onde reside a criança. O contato com os responsáveis será feito diretamente pela equipe de enfermagem, conforme a lista de espera.

Segundo Vânia Maria Alves, coordenadora técnica de saúde da VEM, o cadastramento das crianças sem comorbidades tem por objetivo evitar o desperdício das doses que, neste primeiro grupo, são destinadas aos que possuem deficiência e comorbidades, conforme a orientação do Ministério da Saúde. “Nos dois primeiros dias da vacinação pediátrica, registramos sobra de doses nas unidades de saúde, que já foram aplicadas em crianças sem comorbidades”.

Apoio:


Para atender este primeiro grupo, o município recebeu 990 doses, que será suficiente para atender 27%das crianças com comorbidades e 30% com deficiência, conforme dados do Governo do Estado.

Vale ressaltar que a vacinação, tanto contra a Covid-19 quanto para o calendário de rotina, segue escalonada. As doses pediátricas (5 a 11 anos) estão sendo administradas no período da manhã, das 7h30 às 12h, enquanto os adultos (a partir dos 12 anos) estão sendo atendidos à tarde, das 12h às 16h30.

O vacinômetro municipal, com dados atualizados nesta terça (18/01), aponta 199.211 primeiras doses aplicadas, 188.999 segundas doses ou imunizante em dose única e 71.198 doses de reforço. A população prudentina vacinável, acima de 5 anos, seguindo a recente expansão do grupo, está estimada em 216.500 pessoas, o que representa 87,2% do público com o esquema vacinal completo.

COMENTÁRIOS