Último trimestre de 2022 aumenta expectativa de vendas para setor de descartáveis

Natal e Ano Novo deverão impulsionar bares e restaurantes e grandes redes supermercadistas; crescimento de descartáveis e embalagens deve superar os 32% de 2021.

193

O quarto e último trimestre de 2022 promete aumentar as vendas do setor de descartáveis, principalmente devido às festas de fim de ano, Natal e Ano Novo, além, claro, da Copa do Mundo do Catar, que começa no dia 20 de novembro. As datas fazem parte da cultura do brasileiro, que, tradicionalmente, costuma celebrá-las em grupo, aumentando o potencial de consumo. A sazonalidade é sempre aguardada tanto para pequenos estabelecimentos, como bares e restaurantes, até grandes redes supermercadistas.

De acordo com o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), o Brasil passa pelo segundo aumento consecutivo em seu PIB (Produto Interno Bruto), neste ano, com valores que saltaram de 1,1%, no primeiro trimestre, para 1,2%, no segundo. O órgão afirma, ainda, que esse crescimento foi, mais uma vez, proporcionado pelo setor de serviços, que representa cerca de 70% do PIB nacional. Este crescimento impacta, diretamente, no consumo das pessoas neste período. Mais dinheiro circulando, mais compras e melhores festas de Natal e Ano Novo.

O indicador mostrou que o consumo das famílias cresceu cerca de 2,6% em comparação com o primeiro trimestre de 2022, além de aumentar em 5,3% se comparado ao mesmo período de 2021. Ainda segundo o IBGE, esse aumento é resultado de alguns fatores, como o FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço) e a antecipação do INSS, o crescimento do crédito e a retomada dos serviços presenciais, além do 13° salário, tão aguardado por muitos brasileiros.

Apoio:


Preparação

Proprietária de um carrinho de cachorro-quente na cidade de Sertãozinho (SP), na microrregião de Ribeirão Preto, na Alta Mogiana paulista, Cristina Simões aguardava, ansiosamente, por esse período do ano. “O pessoal acaba saindo mais de casa por causa dos feriados, procurando lugares para comer. Ninguém quer fazer comida em casa, até para evitar ficar lavando louças. Por isso, nos preparamos, pedindo mais pães, condimentos, bebidas, embalagens, entre outros produtos essenciais”, ressalta a comerciante.

Gerente de Marketing da Facilita&Pronto, marca que atua no segmento de embalagens e descartáveis, Caio Castro, reforça que o período é muito atrativo para quem trabalha com relações B2B (“empresa para empresa”, em tradução livre). “Entre outubro e dezembro de 2021, nossas vendas de assadeiras e bandejas descartáveis de alumínio cresceram 32%. Para este ano, a expectativa é de um aumento semelhante ou até maior, principalmente por conta do período pós-pandêmico”, salienta.

Estratégia de vendas

Uma das estratégias dos supermercadistas para esta época do ano é o cross merchandising, que consiste em posicionar produtos afins próximos a outros. Os exemplos mais usados são os copos descartáveis na área de bebidas, as assadeiras e as bandejas de alumínio descartáveis próximas a congelados, papel alumínio na área de churrasco, talheres e pratos plásticos na seção de confeitaria, entre outros.

COMENTÁRIOS